Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tanucha

um blog para descarregar as tanuchisses, ou melhor parvoeiras que passam por esta mente

Tanucha

um blog para descarregar as tanuchisses, ou melhor parvoeiras que passam por esta mente

O nosso Natal foi muito bom.

 

Ainda não tive tempo para colocar as fotos, mas amanhã vou tentar.

 

Enquanto isso para não dizerem que é tudo bons momentos, e é só alegria. Deixo-vos o registo de uma pequena birra

 

 

 

 

 

 

 

Viram por aí alguma lágrima???  Drama Girl

 

E a tinhosa da mãe a gozar e atirar fotografias. Criança sofre!!!

 

 

Mas nada que o colinho do papá não resolva.

 

 

Sim que por cá por casa, quando um ralha a piolha vai fazer queixa ao outro. Sabe-a toda....

 

Feliz Natal a todos!!!

 

Por cá tem saído muita fornada de biscoitos 

 

 

 

 

 muita especiaria misturada,

 

 muito azeite aromatizado,

 muita compota feita, assim como açucar baunilhado e tempero para carne

 

 

espero que quem receba vá gostar

 

Este anjinho (not!!) e os seus papás deseja a todos um feliz Natal

 

 

 

 

 



This funky card is created by Tanucha.
Create your own funky card at CardFunk.

No outro fim de semana tivemos cá em casa a visitinha do meu pai e da Vitória, a piolhita gostou muito de estar com o vôvô. Principalmente acha muita graça ao bigode.

 

Adorou os puzles do Mickey que eles ofereceram à porquita, e nós adorámos os camarões fritos , o bolinho de chocolate e a companhia.

 

Nesse dia é que notámos que vivemos mesmo no campo, pois fiz bacalhau à  braz e quando fui ver não tinha ovos, pedi ao maridão para ir à mercearia à freguesia.

 

Claro que estava fechada a um domingo,e assim  tive que pedir ao meu pai para trazer da cidade. Dah!! Realmente vivemos num lugarzinho.

 

Foi um domingo bem passado.

 Não sei se já repararam a árvore de natal anda a servir muitas vezes de imagem de fundo das nossa fotos.

 

 Jinhos

 

Já devia ter postado estas imagens e este agradecimento à algum tempo.

 

Mas com a história do aproximar do final do ano, o trabalho aperta, e em casa ando de volta das prendinhas de natal que este ano são caseirinhas.

 

Conhecemo-nos num fórum estávamos todas barriguda e à espera dos nossos rebentos, formámos um grupo lindo de amigas e confidentes. Criámos um blog para não perdermos o contacto umas das outras, e onde desabafamos e contamos episódios da nossa vida de mulhereres, esposas, mães, filhas e amigas. Já estivémos juntas este ano não pude estar presente no encontro nacional, com grande pena minha.

 

E este ano resolvemos fazer o secret Santa, ou seja houve um sorteio e cada uma tinha que oferecer uma prenda a outro marcianinho, nós envíamos a nossa e a Carlota recebeu esta prendinha maravilhosa pelo correio enviada pelo queriducho Zé Miguel.

 

 

 

 

 

 

 E acho que se pode ver pela cara da porquinha ela também adorou.

 

E lá em casa não está assim tanto frio, a piolhita é que ía para a escolinha de manhã. Hihihihi!

 

Jinhos grandes

 

 

 

Cá por casa já se fez a árvore de Natal, tenho por tradição fazer a àrvore no dia 1 de Dezembro, mas o esposo nesse dia trabalhou e como era a nossa primeira árvore de Natal esperei que estivéssemos juntos.

 

Assim fizemos a árvore no dia 2, ou melhor começamos no 2 e terminámos no 3. E o maridão aproveitou para dar os parabéns à menina que nesse dia fez aninhos.

 

 

 

 

 

Uma tradição de que gosto muito é pôr chocolates a enfeitar tipo pais natal, pinhas, bolas e só se comem quando chegar o dia de reis.

Lembro-me de eu e os meus primos comermos o chocolate e deixarmos lá as pratas cheias com algodão. Se a minha avó soubesse......

 

Conseguem ver o pai natal?

 

O presépio foi assim uma coisa repentina.

Sempre tive na ideia de continuar com a tradição e comprar aqueles presépios que têm imensas personagens desde a lavadeira, o moleiro, cisnes, lagos, moinhos, ou seja uma autêntica vila feita com musgo e lagos com espelhos.

 E quando estávamos no Aki a comprar 1001 coisas para o nosso natal, o home disse:"vê lá se evoluis " pensei nisso 3 segundos e decidimos comprar um presépio muito giro e mais moderno.

 

 

Não sei se repararm, mas o memino Jesus não se encontra no presépio, pois eu só o coloco na noite da Consoada até lá o burro e a vaca estão a aquecer os pés à Maria que está na recta final da gravidez.

 

A Carlotita quando acordou de manhã adorou, e gritava pai tatau pai tatau....

 

Para o ano espero que ela ajude a fazer. É uma época que gosto muito.

 

As fotos foram tiradas com o telemóvel e logo no momento que se terminou de efectuar o serviço, por isso a qualidade não é das melhores.

 

 

Com o aproximar do final do ano o trabalho aperta e os prazos para entregar o trabalho prontinho também, por isso tenho tido pouco tempo para cuscar os vossos cantinhos e actualizar o meu.

 

No fim de semana da reunião familiar(matança) fiz umas broinhas, costumo fazê-las dia de todos os santos, mas como já me tinham oferecido bastantes e até a piolha trouxe da escolinha e apesar de ter em casa os ingredientes preparadinhos, nomeadamente os frutos secos e a abóbora resolvi adiar e fazer noutra altura. Lá calhou fazer e levar para casa da minha avó.

 

Primeiro amassei tudinho

 

 

ós depois

formei as bolinhas e coloquei sobre o tabuleiro forrado com um tapete de silicone e as tinhosas ddeformavam-se todas, ficaram totdas achatas e coladas umas ás outras,

 

 

mas estavam igualmente saborosas, lembrei-me de as pôr nas formas dos queques para ficarem mais lindinhas

 

 

 

 

só sei que não sobrou nadinha o pessoal comeu-as com cházinho ao lanche.

 

 

Como sabem andava um bocado desligada da minha máquina fotográfica e a tinhosa fartou-se de mim, fez greve e não me deixa tirar fotos nem desligá-la, só para ver as fotos que tenho no cartão.

 

Sendo assim dirigi-me à Kodak para saber o que fazer para a reparar, a senhora da loja após mexer no botão on, off, pôr cartão, bateria retirar tudo franziu o nariz e disse : " é melhor comprar outra nem vale a pena mandar arranjar" eu olhei para o maridão que andava a aturar umas das birras da Dona Carlota que quando não dorme a sesta fica super chata, disse à senhora para me dar o contacto da Kodak para ligar para lá porque até podia ser uma avaria simples, tipo o botão estar encravado.

 

Quando liguei para a Kodak e contei o sucedido e após  ter dado o modelo da minha máquina, a técnica disse logo que já não fabricavam peças para este modelo, eu agradeci a disponibilidade e fiquei revoltada com a sociedade dos dias de hoje.

 

Então em vez de repararmos as coisas jogamos fora e compramos novo, já com a playstation do marido foi igual queriam 50 euros pelo orçamento da reparação e quer aceites o orçamento ou não dizes adeus aos 50€ e depois a reparação pode demorar 6 meses.

Viva ao consumismo.

 

Ao comentar no local de trabalho com uns colegas um deles disse quqe via isso acontecer à 30 anos atrás na França e os portugueses iam buscar

á "poubelle " (lixo) nós é que andamos atrasados.

Se calhar até tem razão.

E olha como não percebo nem conheço ninguém que perceba de electrónica, lá me conformei e adquiri uma máquina nova, mais pequena e mais leve.

 

Adeus Kodak, obrigada por estes 6 anos de fotos e vídeos.